Emagrecimento Saudável: como conquistar um resultado definitivo?

Você sabia que, de acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), o Brasil tem cerca de 18 milhões de pessoas consideradas obesas? E que, somando-se o total de indivíduos acima do peso, o montante chega a nada menos que 70 milhões – isto é, o dobro da quantidade estimada há três décadas?

Considerada uma doença crônica, a obesidade é capaz de acarretar graves problemas de saúde que, para além dos aspectos físicos (frequentemente, os que ganham maior evidência), também interferem em questões de natureza psicológica e emocional. Logo, em se tratando de um problema cujo alcance é mundial e cujos desdobramentos podem ser bastante prejudiciais, não é de se estranhar o enorme interesse manifestado por um número cada vez maior de pessoas à procura de alternativas que não apenas viabilizem o seu emagrecimento ao longo de um determinado período, mas que sejam igualmente capazes de pôr fim à sua luta contra o excesso de peso.

Na internet, por exemplo, os registros que se autocompletam nos mecanismos de busca contemplam desde palavras isoladas – como “emagrecer”, “emagrecimento” e “emagrecedor” – até grupos de palavras que se articulam em torno de objetivos mais específicos – como “emagrecer urgente”, “emagrecimento rápido” e, claro, “emagrecer de vez”. Isto porque, para a maioria daqueles cujos índices de massa corporal ultrapassam os limites previstos para a nossa saúde, a manutenção do novo peso pode ser algo tão ou mais desafiador que o próprio processo de emagrecimento.

No que diz respeito aos prejuízos desencadeados pelo acúmulo de peso, a maioria deles já faz parte do conhecimento comum. De acordo com a própria SBEM, o obeso tem mais propensão a desenvolver problemas como hipertensão, doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2, artrose, pedra na vesícula, artrite, cansaço, refluxo esofágico, tumores de intestino e de vesícula. Isto sem contar a diminuição na autoestima e a vulnerabilidade à depressão. Já no que tange às causas do excesso de peso, sabe-se que ele tanto pode estar relacionado a fatores como predisposição genética e maus hábitos alimentares quanto a disfunções endócrinas. Contudo, quando se trata de resolver o problema, ainda resta saber: tendo em vista a vasta oferta de recursos que incluem desde “dietas milagrosas” até o consumo de medicamentos ou procedimentos controversos, qual seria a solução mais efetiva?

 

A perspectiva da medicina integrativa e a sua contribuição no combate ao excesso de peso

Surgida nos Estados Unidos no final dos anos 80, a medicina integrativa é uma abordagem que “busca estratégias preventivas capazes de garantir longevidade e qualidade de vida por meio do controle e do combate aos fatores de risco, além da otimização metabólica do corpo humano”. A declaração é do dr. Anderson Bertolini, para quem a medicina integrativa é uma tendência mundial. Membro da Sociedade Brasileira de Medicina Estética, membro da Associação Brasileira de Nutrologia e também membro da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte, o dr. Bertolini acredita que o paciente deve ser visto de uma forma individualizada e integrada, como um ser único e especial, no qual tudo precisa estar em harmonia. Daí, portanto, o destaque à medicina integrativa, na qual são utilizadas técnicas da medicina convencional e alternativa respaldadas por trabalhos científicos.

Assim, à frente da equipe de atendimento da Corpuris Salus e ciente de todos os aspectos que influenciam direta ou indiretamente no ganho de peso, o dr. Bertolini utiliza a medicina integrativa no tratamento de emagrecimento para cuidar do paciente como um todo, identificando as suas deficiências físicas, hormonais, psicológicas, doenças associadas e nutricionais. Desta perspectiva, portanto, a Corpuris Salus trata todas as disfunções do seu organismo, modulando a sua parte hormonal e se valendo de técnicas da medicina convencional e alternativa, entre as quais estão:

  • a nutrologia, que visa a definir a melhor estratégia alimentar para cada paciente, considerando os alimentos mais saudáveis e respeitando as intolerâncias alimentares de cada indivíduo;
  • a prática ortomolecular, que equilibra o organismo com a utilização de aminoácidos, minerais e vitaminas, evitando o uso excessivo de medicações convencionais;
  • a reposição hormonal, que, quando necessário e comprovado por meio de exames, é aplicada para reequilibrar os hormônios, que controlam todo o processo metabólico do organismo e são fundamentais para o seu equilíbrio;
  • a qualidade do sono, essencial a fim de que tenhamos uma qualidade de sono impecável e possamos obter muito mais disposição e qualidade de vida no período diurno; e
  • a atividade física, absolutamente fundamental no processo de emagrecimento saudável.

Você gostaria de mais informações a esse respeito e de investir mais em si mesmo(a) neste novo ano que se inicia? Então, entre em contato com a Corpuris Salus pelo telefone (11) 4550-1420 ou pelo WhatsApp (11) 9.8348-0349 e agende a sua consulta. Mais do que contribuir com tudo o que você precisa para o seu emagrecimento, queremos ajudá-lo(a) a se tornar uma pessoa definitivamente magra, com muita saúde e uma autoestima ainda melhor

Comments

comments

Comments

comments